Livro de Teoria e Exercícios com Gabarito de Matemática

Aulas de Português

CONCORDÂNCIA VERBAL VIDEOAULA

Concordância Verbal Videoaula

Nesse artigo: concordância verbal videoaula, teremos um resumo da teoria, exercícios de concordância verbal e uma videoaula sobre esse assunto tão importante e que aparece em todos os concursos e provas de vestibular.

Veja aqui também:

Videoaulas de Concordância Nominal

Videoaulas de Emprego das Vogais

Regra geral da concordância verbal: O verbo concorda com o sujeito em número e pessoa.

A partir dessa norma básica da concordância verbal, conclui-se que é preciso identificar o sujeito, para evitar enganos de concordância. Observe as seguintes frases, colhidas em redações de alunos:

  1. Não nos convêm manter certas atitudes.
  1. Se te convieres essas sugestões, aceita-as.
  1. Naquela casa, costuma ocorrer coisas estranhas.
  1. Quem espera, sempre alcança.
  1. Para eu ler à noite está ficando difícil.

Todas elas têm erros gerados pela não identificação do sujeito:

  1. Para localizar o sujeito, na primeira frase, faremos a pergunta convencional: Que é que não nos convém? A resposta será “manter certas atitudes”. O sujeito é uma oração, o verbo deve ficar no singular. Portanto, teremos acento agudo em convém.
  1. Vamos localizar o sujeito da segunda frase: Que é que te convém? A resposta será: “essas sugestões”. Então teremos: Se te convierem essas sugestões, aceita-as.
  1. Vamos fazer a mesma pergunta na terceira frase: Que é que costuma ocorrer naquela casa? A resposta será “coisas estranhas”. Então diremos: Naquela casa, costumam ocorrer coisas estranhas.
  1. Na quarta frase, a primeira oração é o sujeito da segunda. Por isso, não pode haver vírgula.
  1. Na última frase, a oração “ler à noite” é o sujeito de “está ficando difícil”. Então, colocando a frase em ordem direta (isso sempre facilita a compreensão sintática), teremos: Ler à noite está ficando difícil para mim. O pronome não exerce a função de sujeito; por isso, deve ser oblíquo.

 O exame dessas frases revela o quanto é decisivo, quando se escreve ou resolve uma prova, ter sempre presente a ideia do sujeito.

Para resolvermos questões de concordância verbal, precisamos localizar o sujeito

Veja aqui nessa videoaula de concordância verbal:

>>>> COMO LOCALIZAR O SUJEITO DE UMA FRASE>>>>

CONCORDÂNCIA VERBAL VIDEOAULA

Casos especiais de concordância verbal

 A impessoalidade dos verbos haver e fazer:

Os verbos haver (quando equivale a existir, ocorrer) e fazer (quando indica tempo) são impessoais; por isso, ficam sempre na terceira pessoa do singular:

Havia muitas pessoas no comício.

Houve dois acidentes de trânsito no feriadão.

Haverá dificuldades para conciliar ideias tão antagônicas.

Faz dois anos que não a vemos.

Nas locuções verbais, esses verbos impessoalizam o verbo auxiliar:

Vai fazer apenas três meses que se formou e já conseguiu emprego.

Está havendo muitos erros de ortografia nas últimas redações.

Deve haver boas notícias, porque ela está muito alegre.

Empregados em outros sentidos, conjugam-se normalmente:

Se não houvessem estudado tanto, não teriam sido aprovadas.

Finalmente fizeram as pazes.

Haviam-se esgotado os prazos para a compra das passagens.

>>>> IMPESSOALIDADE DOS VERBOS HAVER E FAZER>>>>

CONCORDÂNCIA VERBAL VIDEOAULA

A voz passiva sintética – Concordância Verbal

Em expressões do tipo de alugam-se salas, o verbo deve concordar com a expressão que o acompanha, porque ela é o seu sujeito, a menos que esteja precedida de preposição:

Venderam-se todas as entradas. O estádio lotou.

Consertam-se aparelhos elétricos.

É preciso que se criem novas alternativas de produção.

Decidiu-se que se reduziriam as despesas.

Evitem-se faltas perto da área.

Não se aceitarão mais esses atrasos. Tratem de chegar na hora.

Nos bailes de outrora, dançavam-se valsas românticas.

O entendimento gramatical é o de que a frase “venderam-se todas as entradas” equivale a “todas as entradas foram vendidas”. A expressão “voz passiva sintética” explica-se porque a palavra que acompanha o verbo e exerce a função de sujeito não pratica a ação verbal. Ora, a voz passiva convencional se faz com dois verbos (auxiliar+particípio); como aqui só temos um verbo, aparece o adjetivo “sintética”.

Se o termo que acompanha o verbo vier antecedido de preposição ou não houver na frase uma palavra que possa exercer a função de sujeito, teremos apenas um caso de sujeito indeterminado, e o verbo ficará no singular:

Precisa-se de pedreiros.

É importante que se reflita bem sobre as declarações do presidente.

Vive-se melhor em cidades interioranas do que nas grandes capitais.

Devagar se vai ao longe.

>>>> VOZ PASSIVA SINTÉTICA >>>>

CONCORDÂNCIA VERBAL VIDEOAULA

Você quer aprender  o Português e Redação com o prof. Paulo Simões? Se a resposta é sim, ganhe gratuitamente esses cursos online, contendo videoaulas, PDFS  de exercícios e teoria, simulados e muito mais!

Para isso basta adquirir o curso Gênio da Matemática:

ADQUIRA O SEU CURSO ONLINE DE MATEMÁTICA, PARA ENEM E VESTIBULAR E RECEBA:

CURSO COMPLETO DE PORTUGUÊS PARA ENEM, VESTIBULAR E CONCURSOS 

CURSO COMPLETO DE REDAÇÃO PARA ENEM, VESTIBULAR E CONCURSOS 

CURSO COMPLETO DE QUÍMICA PARA ENEM E VESTIBULAR 

CURSO COMPLETO DE FÍSICA PARA ENEM E VESTIBULAR 

SAIBA MAIS CLIQUE AQUI!

Curso Online Gênio da Matemática

>>>> PECULIARIDADES DO VERBO SER >>>>

CONCORDÂNCIA VERBAL VIDEOAULA

 

 Complete as frases – exercícios de concordância verbal:

  1. ……….. coisas que não se compreendiam. (haver – pret. imp. do indicativo)
  2. Convém que se ………………….. nestes problemas e que não se ……………. decisões precipitadas. (pensar e tomar – pres. do subj.)
  3. Ontem ………….. 25 C à sombra. (fazer – pret. perf. do indicativo)
  4. No projeto …………………… -se técnicas novas. (empregar – pret. perf.)
  5. …………….. havendo grandes progressos nas aulas de Química. (estar – pres. do indicativo)
  6. ……………. -se dos problemas, mas não se ………………… as soluções. (falar e apontar – pres. do indicativo)
  7. …………………….. -se, nos bailes de outrora, românticas valsas. (dançar – pret. imp. do indicativo)
  8. ……………… haver complicações com as novas regras de trânsito. (poder – pres. do indicativo)
  9. …………….. surgir complicações com as novas regras de trânsito. (poder – pres. do indicativo)
  10. …………….. existir soluções; é preciso que se ……………….. os métodos adequados. (dever – pres. do indicativo e empregar – pres. do subj.)
  11. ………………… assuntos que não se ………………….. bem. (evitar – pres. do subj. e conhecer – pres. do indicativo)
  12. Não se ………………… tantas reclamações; não é possível que ………… tantos prejuízos. (admitir – pres. do indicativo e haver – pres. do subj.)
  13. Sem bons jogadores, não se …………….. bons times. (fazer – pres. do indicativo)
  14. No Sul, ……………. invernos rigorosos. (fazer – pres. do indicativo)
  15. É preciso que se ………………. aos filmes e que se ………….. os livros. (assistir e ler – pres. do subj.)
  16. São fáceis os testes que se ………….. realizar. (ir – pres. do indicativo)
  17. Convém que se ……………….. às ordens e que se ……………….. os compromissos. (obedecer e cumprir – pres. do subj.)
  18. Aí …………… os rapazes; …………….. -se dos meus primos.(vir e tratar – pres. do indicativo)
  19. Este ano ……………. haver as festas que ………….. que eu não irei a nenhuma. (poder – pres, do ind. e haver – fut. do subj.)
  20. Se elas ………………….. chegado a tempo, não ………………….. todas estas complicações. (haver – imp. do subj. e fut. do pret.)
  21. É preciso que se ……………… as mercadorias; não se ……………… devoluções. (verificar e aceitar)
  22. Pouco importa que …………….. ou não existido os seres mitológicos. Já ………. séculos que a arte os ………….. vivos. (haver – pret. imp. do subjuntivo, fazer e manter – pres. do indicativo.

 Respostas exercícios de concordância verbal

 1. Havia; 2. pense e tomem; 3. fez; 4. empregaram-se; 5. Está; 6. Fala-se e apontam; 7. Dançavam-se; 8. Pode; 9. Podem; 10. Devem e empreguem; 11. Evitem-se e conhecem; 12. admitem e haja; 13. fazem; 14. faz; 15. assista e leiam; 16. vão; 17. obedeça e cumpram; 18. vêm e trata-se; 19. pode e houver; 20. houvessem e haveria. 21. verifiquem e aceitarão; 22. houvessem, faz e mantém (porque o sujeito é “a arte”).

960x171-anuncio-blog-genio
Loading Facebook Comments ...

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

1 Comentário

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.